Etre moderne: Le MoMA à Paris

O Museu de Arte Moderna (MoMA) e a Fondation Louis Vuitton anunciaram a primeira exposição completa em França para a apresentar a inigualável colecção do MoMA’s: Etre moderne: Le MoMA à Paris, que será possível visitar a partir de 11 de Outubro de 2017 até 5 de Março de 2018, na Fondation Louis Vuitton.

Uma selecção integrada e interdisciplinar de 200 obras, extraídas de todos os seis departamentos do Museu e que reflectem a história da instituição e a sua colecção, preencherá a totalidade do edifício projectado por Frank Gehry – a Fondation Louis Vuitton. Juntando as duas instituições, os trabalhos seleccionados pelo director e curador reúne pinturas, esculturas, desenhos, fotografias, filmes, trabalhos na imprensa, performances e objectos de arquitectura e design, acompanhando a evolução e o alcance multifacetados da colecção do museu.

A exposição foi concebida tendo em conta a arquitectura e os espaços interiores do edifício da Fondation Louis Vuitton, permitindo uma narrativa histórica convincente ao longo dos seus quatro pisos. Glenn D. Lowry, Diretor do Museu de Arte Moderna, referiu: “A nossa missão no Museu de Arte Moderna é ajudar o público a desfrutar e compreender o melhor da arte moderna e contemporânea. Estamos muito satisfeitos em colaborar com a Fondation Louis Vuitton para apresentar a profundidade e amplitude da colecção do Museu que atravessa muitas décadas”.

A exposição apresenta obras-primas de artistas como Max Beckmann, Alexander Calder, Paul Cézanne, Marcel Duchamp, Walker Evans, Jasper Johns, Ernst Ludwig Kirchner, Gustav Klimt, Yayoi Kusama, René Magritte, Pablo Picasso, Ludwig Mies van der Rohe, Yvonne Rainer, Frank Stella, e Paul Signac. Uma selecção de materiais raramente apresentados dos Arquivos do MoMA será incorporada nas galerias, acompanhando a história do Museu e, também, contextualizando as obras.