A música como inspiração

É inegável a grande ligação da Levi’s® com a música, o território da criatividade da marca e para a marca. Muitas das estrelas tomaram como hábito as peças Levi’s® e acarinharam-nas no palco.

De Johnny Cash à Cat Power, todos sonharam com peças da marca! Neste outono-inverno, a Levi’s® torna-se mais underground e inspira-se nas subculturas da música. É influenciada pelos colectivos de criativos que borbulham pelas ruas da cidade e que, quando sobem ao palco, brilham pelo seu som e estilo – enquanto as suas tribos de fãs gritam por mais um encore…

Para criar a colecção Levi’s® Red Tab outono-inverno 2017, a equipa de design da marca viajou até às raízes do rock dos 60’s e dos 70’s. Uma era marcada por uma inspiração e credibilidade construídas na rua e com artistas tais como Joan Jett e The Ramones.

Na estação que se avizinha, a Levi’s® celebra o lançamento da colecção-cápsula Levi’s® Altered, os seus já icónicos Levi’s® 512 Slim Taper para homem e os Levi’s® 721 High Rise Skinny para mulher; sem esquecer o 50o Aniversário do lendário blusão de ganga Levi’s® Trucker Jacket – Type III.

Segundo Jonathan Cheung, Head of Levi’s® Brand Design: “De alguma maneira, a Levi’s® foi e continua a ser uma marca de eleição da juventude e das suas subculturas. Com o tempo, a marca tornou-se uma parte intrínseca da sua expressão individual e essa é uma das nossas principais inspirações. Os outsiders, os misfits, os rebeldes e todas as subculturas criadas por eles. Deixamo-nos inspirar por essas mesmas pessoas que inegavelmente e em simultâneo sempre gravitaram à volta da marca.”