Global Fashion Exchange na ModaLisboa

Queremos partilhar convosco uma iniciativa da Câmara Municipal de Lisboa e a ModaLisboa, onde seremos um dos embaixadores. O Global Fashion Exchange (GFX) realiza-se no âmbito da ModaLisboa, no CCB, nos dias 11 e 12 de março, num espaço que integra diversas actividades: um Mercado Swap, um lounge, Dj’s, workshops, eventos de networking e instalações artísticas.

No Swap, que terá lugar no domingo, dia 12 de março, entre as 17:00 e as 19:30, o público poderá trocar peças que já não usa, renovando o seu guarda-roupa sem custos, com uma atitude sustentável e evitando o desperdício de vestuário.

Para ter acesso ao SWAP os participantes têm de levar, obrigatoriamente, uma peça do seu próprio guarda-roupa. Depois do evento, os artigos que não forem trocados serão entregues ao nosso parceiro I:CO, que os vai reciclar e transformar em novos produtos, têxteis e materiais de construção. Deste modo estaremos a fechar totalmente o ciclo de vestuário.

Segundo Patrick Duffy, fundador do GFX, ‘O Global Fashion Exchange tem o prazer de apresentar o maior evento de troca de vestuário que já teve lugar na cidade de Lisboa. Estamos a convidar todos os lisboetas a trazerem roupa que já não usam e dar-lhes uma nova vida, tendo também a oportunidade de renovar o seu guarda-roupa. Cada peça será pesada e adicionada ao total de 19 toneladas de roupa que o GFX já evitou ser desperdiçado e enviado para aterros. Acreditamos que os lisboetas vão aproveitar esta forma divertida de renovar os seus guarda-roupas e experimentar uma nova forma de consumir, de um modo sustentável, fazendo e vestindo a diferença. Graças à ModaLisboa e à Câmara Municipal de Lisboa, daremos vida à nossa missão de promover formas de consumo mais sustentáveis, dando continuidade ao tema Boundless. Celebraremos a moda, a arte e a criatividade sem fronteiras.”

O Global Fashion Exchange (GFX) foi lançado em 2013 e teve lugar pela primeira vez durante a semana de moda de Copenhaga. A plataforma internacional tem vindo a crescer desde então, promovendo a sustentabilidade na indústria de moda através da participação em fóruns, eventos educacionais e culturais e produzindo swaps de vestuário em diversas cidades como: Nova Iorque, Los Angeles e Melbourne. Graças a estes swaps, o GFX já evitou o desperdício de um total de 19 toneladas de roupa. A iniciativa foi também reconhecida pelas Nações Unidas, participando na conferência do seu 70º aniversário.