Exposição Contraluz – Pedro Homem de Mello

A 12 de Março, pelas 18h00, na livraria Sá de Costa, Pedro Homem de Melo apresenta “Contraluz”, uma exposição que estará patente até ao dia 2 de Abril.

“Se se a principal – senão única – fonte de inspiração do artista tem sido a natureza, a imensa, belíssima e multifacetada riqueza das plantas e das flores, não é menos verdade que na sua pintura o modelo é retratado em suspensão, hierático, como se o movimento, o tempo, se tivessem evadido do espaço pictórico, sugerindo-nos, por vezes, um jardim plantado num planeta desprovido de atmosfera. Essa mesma característica manifestava-se já nas obras mais antigas, quando as

paisagens eram emolduradas em ambientes de sabor surrealizante – a exuberância e riqueza cromática das pinturas era enquadrada numa grelha geométrica rigorosa, que funcionava como seu alter ego. A dualidade entre o rigor geométrico conceptual e a espontaneidade do mundo natural são ainda visíveis nas pinturas actuais, apesar da rarefacção de elementos a que estas obras foram sujeitas. Em algumas das obras mais recentes – nomeadamente a série “Ikebana Lusitana” – Pedro Homem de Mello recupera o cromatismo e o lirismo suave da arte popular portuguesa, sobretudo de algumas zonas do Norte de Portugal, imprimindo-lhe uma rigorosa abstracção e síntese geométrica”

Por José Sousa Machado

O seu trabalho está representado em várias colecções particulares e públicas, em Portugal e no estrangeiro, em diversos paises, tais como: Alemanha, Angola, Argentina, Áustria, Bélgica, Brasil, Espanha, EUA, França, Holanda e Reino Unido.

LIVRARIA SÁ DA COSTA
Rua Garret no100 – 102 sobreloja Lisboa 2a a Sábado – das 14.30H às 19.30H